A- A A+

Telefone: (33) 3378 7000 | (33) 3378 7080 | (33) 98838 7227 | E-mail: contato@luisburgo.mg.gov.br

   

Segunda, 10 Setembro 2018 07:25

Momento Cívico com alunos da rede municipal marca o 7 de setembro em Luisburgo

O feriado da Independência foi bastante movimentado na Praça José Tabeth Knupp, centro de Luisburgo. Com o objetivo de lembrar toda a história que envolve a data a Secretaria Municipal de Educação, por meio das escolas da cidade e da zona rural, promoveu um Momento Cívico com lindas demonstrações de amor à pátria. Teve poesia, música, dança e muita emoção, especialmente dos familiares que não esconderam o orgulho.

A apresentação inicial foi do CEI Maria Messias. Os pequeninos mostraram que a partir daquele dia raiava a liberdade no horizonte do Brasil. Nosso país ficava livre de Portugal. E o Hino Nacional Brasileiro poderia ser cantado em todas as redondezas com mais força e garra. As crianças deram o tom e todo mundo entoou com fervor o Hino.

A segunda apresentação foi da Escola Municipal Luiz Rodrigues de Abreu. A apresentação de uma peça teatral lembrou heróis, alguns mártires e muitas lutas. A coragem de Tiradentes, do Zumbi de Palmares, da Princesa Isabel e de Tiradentes foram representados pelas crianças, com direito e trajes e textos comuns ao período de libertação.

A próxima apresentação foi da E.M. Igreja do Suíço que trouxe a música “Eu te amo meu Brasil”, retratando as belezas naturais do país, a riqueza de nossa cultura, a força, a coragem, a alegria e a esperança do nosso povo, em sua totalidade, desde a formação de nosso país, antes do dito descobrimento do Brasil, há 518 anos até nossos dias.

A E.M. José Petronílho também veio de música e escolheu uma linda canção conhecida no início década de 1992, nas vozes das duplas Sandy e Junior e Chitãozinho e Xororó. “Vamos Construir” foi escolhida e cantada pelos alunos para mostrar que o Brasil que eles querem é com igualdade social e econômica, sem violência e discriminação e com direitos respeitados e oportunidades de vida digna para todos. 

O Hino de Luisburgo ganhou destaque nas vozes das crianças da E.M. Lucindo Antônio de Faria Filho. Antes disso a escola contou um pouco a história da Independência e também chamou a tenção de todos para repensar o Brasil que temos hoje e o país que queremos para o futuro.

A Escola Municipal Pedra Dourada apresentou o poema “Canção do Exílio”. Nele Gonçalves Dias retrata as riquezas de nosso país: nosso céu, nossas matas, nossos animais. Essas e tantas outras riquezas representadas na fauna e na flora Brasileira.

Não podia faltar a “Aquarela do Brasil” e ela foi destaque na apresentação da E.M. Manoel Francisco de Souza. A turma lembrou que um país como o Brasil, cujas belezas naturais e diversidade cultural servem de inspiração para poetas e compositores, também ilustra uma realidade dura, mas que com amor, a retidão e o trabalho do povo brasileiro pode ser transformada.

A última apresentação teve a Escola Municipal da Gameleira e a belíssima canção “Um novo sol” de Padre Delcides, pedindo a união e a busca de uma pátria mais justa e fraterna, onde todos lutem por direitos iguais, buscando uma nova civilização que caminhe com respeito e amor.

O Momento Cívico de Luisburgo contou com a presença do Prefeito José Carlos Pereira e com a dedicação de todos os servidores da educação do município. “Esse ano resolvemos fazer uma apresentação diferente onde cada escola teve autonomia de escolher o que ia apresentar. A única recomendação é que fossem apresentados temas que levassem os pais e o os alunos a repensarem seu patriotismo, sobre suas ações de civismo, seus atos de cidadania” – destacou Aparecida Sérgio, secretária de Educação de Luisburgo. Lembrou também do empenho da comunidade escolar. “As crianças foram muito criativas, os professores muito dedicados, todas as escolas, todos os profissionais, todos os envolvidos dando o máximo para chegar no dia de hoje e promover essa apresentação belíssima e cheia de demonstrações de patriotismo” – finalizou.

Nem o sol forte da manhã de 7 de setembro afastou as pessoas da frente do palanque da praça. Além do orgulho do talento das crianças, a plateia, composta na sua maioria por pais, se emocionou a cada apresentação. Foi uma manhã muito especial e que fez do feriado da Independência em Luisburgo um dia de aprendizado, reflexão e civismo.

Klayrton de Souza